domingo, 27 de janeiro de 2013

Fotos inéditas dos mortos na tragédia da boate em Santa Maria


Fotos inéditas dos mortos na tragédia da boate em Santa Maria

Já são confirmadas 232 pessoas mortas na tragédia da Boate Kiss no Rio Grande do Sul. Confira imagens inéditas na noite de ontem.
   
778866_471779289552520_544500968_o
Foto do momento da festa ontem.
A tragédia ocorrida na cidade de Santa Maria no Rio Grande do Sul já repercute em todo o mundo e enquanto a TV e os principais sites do Brasil mostram o resgate dos corpos, a redação do PortalMix buscou no Facebook e no site oficial da boate imagens que mostram como era a boate antes do incêndio e qual festa acontecia na noite deste sábado. 
A boate realizaaa uma festa que tinha como vendedores de ingressos alunos de várias turmas da UFSM (Universidade Federal de Santa Maria) já que a cidade de Santa Maria é uma cidade universitária a boate realizava várias festas para arrecadação de recursos para formatura de turmas. 
O ambiente era muito fechado, pelas fotos percebe-se a quantidade de sub-ambientes, algo normal em boates do sul do país e a
Cartaz da festa que acontecia na Boate
Cartaz da festa que acontecia na Boate
presença de muitos equipamentos eletroeletrônicos. A escuridão também é uma característica do local que tem um teto preto, provavelmente de espuma ou isopor acústico, paredes com acabamento de madeira e várias tvs lcds, e material de iluminação pendurados no teto, que podem ter caído em cima das pessoas com o fogo.
De acordo com o correio do povo: Uma das pessoas que estava na boate e conseguiu sair com vida é o dentista Matheus Bortolotto. Ele afirma que o fogo começou logo na primeira música, quando um dos integrantes da banda “Pimenta e seus comparsas”, lançou um sinalizador. O dentista conta que ninguém se assustou de imediato. Bortolotto relata que a correria começou quando as pessoas viram uma fumaça preta e que ele conseguiu fugir rápido.
“O corrimão da boate usado para organizar as filas, trancou as pessoas,” recorda. “Parecia um arame, as pessoas batiam e caíam. Eu ajudei a arrancar os corrimões,” relata. Assim como Bortolotto, muitas pessoas que conseguiram escapar voltaram para salvar outras vítimas. “Os bombeiros também passaram mal intoxicados pela fumaça.”
“Uma menina morreu nos meus braços, senti o coração dela parar de bater. Eu só tinha visto em cena de cinema”, conta. “Mesmo correndo risco, as pessoas se atiravam para dentro da boate para salvar vidas. As ambulâncias não davam conta dos feridos,” lembra. “Não conseguimos usar a saída de emergência. Quem ficou no fundo da boate não teve chance,” lamenta.
fogo
Corpos de mortos na tragédia em Santa Maria

69656_472336816167116_2103672805_n
Imagens da Boate no dia a dia, como era antes do incêndio.

558261_472336322833832_569528585_n
Imagens da Boate no dia a dia, como era antes do incêndio.

boate1
Bombeiros na tentativa de conter o fogo.

f_149340
Imagens do local no momento da tentativa de socorro.

Desespero de sobreviventes em meio aos corpos dos mortos.
Desespero de sobreviventes em meio aos corpos dos mortos.

O socorro às vítimas em santa Maria RS
O socorro às vítimas em santa Maria RS
A boate tinha capacidade para 2000 pessoas, mas cerca de 232 pessoas morreram no local.

0 comentários:

Postar um comentário